Todos conhecemos a marca MARVEL.  Somos todos os dias bombardeados com propriedades desta, desde aquela anuncio ao novo filme do homem aranha, até aquela BD que está na mesma prateleira que os jornais.

Esta editora começou pela publicação de banda desenhada, a ela pertencem personagens como, Homem Aranha, Capitão América, Deadpool e Wolverine. Ao fim de muitos anos de publicações, o pública queria mais, queria ver os seus heróis no grande ecrã.

Foi então que a Marvel começou a vender as suas personagens ao mais diversos estúdios de cinema. Durante estes anos todos temos tido então adaptações dos nossos heróis mais queridos, no entanto a maioria delas nunca chegou às expectativas dos fãs. Após a Marvel ter sido adquirida pela Disney, e agora tendo mais poder monetário, decidiram então começar a reaver as suas personagens e a criarem o seu próprio estudio de produção, denominado de Marvel Studios.

O primeiro lançamento do estúdio, “Iron Man” foi um fenómeno de bilheteiras, um autentico sucesso. Estava então lançada a pedra de um dos maiores universos que se expande sobre vários tipos de médias.

Desde 2008 que a Marvel tem vindo a cimentar o seu universo cinematográfico, no entanto decidiram expandir este para outros territórios, como por exemplo o da televisão, com a criação da série, “Agents of Shield”. No que toca à parte escrita, a Marvel utiliza as suas bandas desenhadas para criar títulos que pertencem ao universo cinematográfico, que expliquem certas lacunas deixadas nos filmes e até apresentando novas personagens.

Todos aquilo que aconteça na televisão influencia os filmes e as bandas desenhadas, tal acontece também com qualquer acontecimento que se realize nos outros média.

A Marvel conseguiu assim criar um universo bem cimentado, que consegue chegar a todos os tipos de público, com os mais variados tipos de gostos.