Alexey Kurbatov é um artista russo que dedica grande parte do seu trabalho à produção de ilustrações. Neste processo criativo, o moscovita combina a pintura aguarela, fotografia e a tecnologia de Photoshop. O resultado final consiste em ilustrações oníricas e de grande harmonia cromática.

O artista cria ilustrações para livros, posters, t-shirts e outros adereços. O retrato, nomeadamente de personalidades famosas, é também tema recorrente do artista.

O Processo de criação consiste no seguinte: O artista experimenta cores numa folha de papel utilizando tinta aguarela. O produto obtido é digitalizado e a ele é sobreposta a fotografia. Por fim o artista trabalha a imagem obtida, dando-lhe o seu toque pessoal. A maior parte do processo consiste na selecção da fotografia e no tratamento de imagem no computador.

As imagens obtidas parecem combinar o virtuosismo da pintura impressionista com uma pulsão estética contemporânea. As ilustrações remetem ainda para formas cubistas. Todas estas características conferem às ilustrações de Kurbatov um carácter singular, no seu estilo, e plural na combinação de formas e metáforas de representação.

A possibilidade de manipular imagens digitalmente veio oferecer aos artistas novas ferramentas e trabalho, abrindo portas a novos possibilidades criativas.

Se por um lado a obra de arte enfrenta as consequências da reprodutilidade técnica, que de certa forma destrona o valor único e singular do original, por outro experimente novos alcances e vê desabrocharem novas formas estéticas.

 

Joyce Lopes